Colunista Nonato Nunes

  • A CHINA COMO UMA CONSTRUÇÃO CAPITALISTA

    21/04/2017

     Para os socialistas mais empedernidos é bom lembrar a eles que a China moderna é uma "construção capitalista". E essa transformação teve início em 1978, quando o então presidente Deng Xiaoping resolveu modernizar o país e atrair capital estrangeiro, embora mantendo a mesma estrutura de poder baseada num partido único. O processo se acelerou com a devolução de Hong Kong aos chineses (1997), mantida pelos ingleses desde a Guerra do Ópio, no século 19. 

    Nos últimos anos a China tem atraído o interesse de empresas estrangeiras pela mão de obra abundante e barata. Porém muitos empresários americanos, e até europeus, têm demonstrado o interesse de fazerem o caminho de volta, sob a alegação de que um operário chinês está custando quase o mesmo de um operário americano. E a situação deve se acentuar na administração Donald Trump.
    Mas ponham na cabeça uma coisa: a China pratica um "COMUNISMO DE RESULTADOS", e é, sim, uma CONSTRUÇÃO CAPITALISTA.

    PS.: a foto abaixo é da cidade de Shenzen, ao sul, região por onde começou o processo que se pode chamar de "comunismo camaleônico".

    Um abraço.

Anterior - (1) - Próxima