Flamengo e Vasco empatam por 4 a 4 em grande clássico no Maracanã

14/11/2019

 Foi um clássico para entrar na história de Flamengo e Vasco da Gama!

 

 

Em uma partida espetacular no Maracanã, os times empataram por 4 a 4, em duelo adiantado pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em campo, o Fla abriu o placar com apenas 39 segundos de jogo, com Everton Ribeiro, mas o Vasco virou de forma relâmpago, com Marrony e Yago Pikachu. Ainda na primeira etapa, o líder igualou, com Rafinha, aproveitando desvio fatal de Danilo Barcelos contra a própria meta.

 

 

A segunda etapa foi ainda mais espetacular. Com os dois times atacando freneticamente, o Cruzmaltino ficou na frente com Marcos Jr e segurou a vantagem por um bom tempo. No entanto, Bruno Henrique, o "Mister Clássicos", colocou os flamenguistas novamente na frente com dois belos gols.

E quando parecia que os rubro-negros sairiam com a vitória, o atacante Ribamar, que havia acabado de entrar, subiu no 3º andar, venceu Diego Alves e empatou novamente o jogo.

Fantástico!

Espetacular!

Um jogo para todos aplaudirem de pé!

 

 

 Ficha técnica

Flamengo 4 x 4 Vasco

 GOLS: Flamengo: Everton Ribeiro, Rafinha e Bruno Henrique (2) Vasco: Marrony, Yago Pikachu, Marcos Jr e Ribamar

 FLAMENGO: Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Vitinho) e Reinier (Arrascaeta); Everton Ribeiro (Piris da Motta), Bruno Henrique e Gabigol Técnico: Jorge Jesus

 VASCO: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Henríquez, Ricardo Graça (Werley) e Danilo Barcelos; Richard, Raúl, Guarín, Marcos Jr (Bruno César) e Rossi; Marrony (Ribamar) Técnico: Vanderlei Luxemburgo


 Estatísticas

 

 

39 segundos foi o tempo que levou o Flamengo para abrir o placar sobre o Vasco

10º cartão amarelo recebido por Gabigol no Brasileirão - ele é o 2º no ranking geral, atrás de Wellington (Athletico-PR), Felipe (Ceará) e Soteldo (Santos), que receberam 11

8º gol do prata-da-casa Marrony em 2019 pelo Vasco

4º gol de Yago Pikachu no Campeonato Brasileiro para o Vasco

 gol de Rafinha com a camisa do Flamengo em 25 partidas

Flamengo 65% x 35% Vasco foi o placar da posse de bola no 1º tempo - em finalizações, porém, empate em 5 a 5

31 gols de Bruno Henrique para o Fla nesta temporada

5º gol de Ribamar para o Vasco na temporada

37 faltas teve a partida

 

 


Trinta e nove segundos

O Flamengo não demorou nem um minuto sequer para abrir o placar no clássico.

 

 

Logo após a saída de bola, Reinier arrancou pela esquerda e deixou toda a defesa do Vasco na saudade.

O prata-da-casa cruzou para o meio da área, mas Gabigol não conseguiu completar.

Só que Everton Ribeiro chegou livre por trás e encheu o pé para estufar as redes.

Foram exatos 39 segundos desde o apito inicial até o chute que cruzou a linha da meta defendida por Fernando Miguel.

Veja como foi

 

 

Festa da torcida rubro-negra! Explosão no Maracanã!

E o título flamenguista parecia se aproximar cada vez mais.


Vasco dança o Vira!

Mas o gol relâmpago não abalou o Vasco. Pelo contrário!

Ao contrário dos prognósticos, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo não se intimidou e foi para cima.

Aos 33, veio o empate: Rossi mandou balão para a área, Raúl ajeitou de cabeça e Marrony apareceu no miolo da zaga para chutar de primeira e igualar.

E a torcida vascaína ainda comemorava esse gol quando veio a virada.

 

 

Na saída de bola, o Cruzmaltino recuperou, Yago Pikachu fez jogada genial para escapar da marcação (com direito a caneta em Pablo Marí) e foi derrubado por Rodrigo Caio na área: pênalti claríssimo.

Na cobrança, o próprio lateral chamou a responsabilidade e bateu muito bem: bola de um lado, Diego Alves do outro.

Assista à jogada de Pikachu

 

 

Virada ao melhor estilo Pokemón para deixar o jogo ainda mais elétrico!


Rafinha imita Edmundo

Quando parecia que o Vasco levaria a vantagem para o intervalo, o Flamengo empatou.

Em cobrança de falta na entrada da área, Gabigol fez que ia bater, mas enganou todo mundo e abriu para Rafinha, livre, na direita.

O lateral-direito armou o cruzamento rasteiro, mas a bola desviou na perna de Danilo Barcelos e enganou Fernando Miguel.

Gol contra do ala-esquerdo vascaíno para colocar 2 a 2 no placar do Maracanã.

E, na comemoração, Rafinha imitou a clássica comemoração do ex-atacante Edmundo, que dançou balançando os braços ao fazer um hat trick pelo time da Colina contra o rival da Gávea no Brasileirão de 1997.

Veja como foi a comemoração de Rafinha

 

 

 

A arbitragem, aliás, deu o gol para a Rafinha, e não contra de Danilo Barcelos.

E ainda tinha todo o segundo tempo pela frente!

Foi falta mesmo? Veja o lance envolvendo Gerson

 

 


2º tempo espetacular

Assim como a primeira etapa, o segundo tempo foi espetacular!

 

 

Quem marcou primeiro foi o Vasco: Pikachu achou Rossi livre na direita e o atacante cruzou com perfeição para Marcos Jr só empurrar para as redes.

Festa da torcida visitante no Maracanã.

O Flamengo se abateu um pouco com o gol sofrido, e passou a cometer erros na saída de bola que quase permitiram ao adversário ampliar a vantagem.

No entanto, a talentosa equipe rubro-negra conseguiu encontrar novamente o empate na habilidade de seus principais jogadores.

Aos 20, Bruno Henrique arrancou pelo meio, tabelou com Arrascaeta, dominou já levantando a bola e bateu forte, de peito de pé, para o fundo do gol.

 

 

E quase o clube da Gávea vira na sequência: após cruzamento de Arrascaeta da esquerda, Gabigol furou, e Bruno Henrique chutou o rebote por cima, em chance claríssima.

Aos 33, Gabigol teve outra oportunidade de ouro, mas seu voleio saiu torto.

Mas o gol rubro-negro estava ficando maduro, e veio aos 35 minutos, em jogada de Vitinho.

O atacante, que havia acabado de entrar, cruzou da direita, Gabigol desviou e Bruno Henrique apareceu nas costas da zaga para fuzilar.

E quando parecia que o Fla sairia com a vitória, Ribamar, que havia acabado de entrar, subiu bem de cabeça para empatar novamente.

ESPETACULAR!