BRASILEIRO DA SÉRIE C: Após sete meses parado, lateral quer vaga no Botafogo-PB

12/08/2017

 Desde que chegou ao Botafogo-PB na semana passada, o treinador Ademir Fonseca conta com um “reforço” dentro de seu elenco. Mesmo sem poder contratar desde o fim de julho, o elenco botafoguense tem no lateral-esquerdo Carlos Renato uma cara nova para enfrentar essa reta final da Série C, onde o time luta para não ser rebaixado.

 

O jogador, que veio do Boa Esporte-MG, time que evitou o acesso do Belo para a segunda divisão nacional em 2016, se destacou na pré-temporada, mas logo na estreia do Paraibano, contra o Inter-PB, lesionou o joelho e precisou passar por uma operação delicada, que o tirou dos gramados até a última semana, quando foi relacionado para enfrentar o Salgueiro-PE, mas não entrou em campo.

 

Com uma deficiência no setor em que atua, já que Alysson não vem agradando e Fernandes prefere atuar no meio campo, Carlos Renato vai aproveitar a semana para trabalhar bem e buscar uma vaga no time que iniciará a partida de domingo (13), contra o Moto Club-MA, no Almeidão. 100% fisicamente, ele falou sobre a possibilidade de voltar a jogar.

"Me sinto bem, feliz demais por estar incorporado ao grupo. Agradeço à direção, ao doutor Wellington, que desde o início esteve comigo no hospital, e trabalhando forte com ele estou bem e recuperado para esta reta final do campeonato, numa situação desagradável, mas temos tudo para sair dela", disse.

 

Carlos Renato está pronto para entrar em campo pelo Botafogo-PB. (Foto: Reprodução)
Carlos Renato está pronto para entrar em campo pelo Botafogo-PB. (Foto: Reprodução)

PREPARADO
Apesar de estar relacionado apenas desde a última semana, o lateral garantiu que há algum tempo já trabalha forte em busca da oportunidade de ajudar seus companheiros.

 

Carlos Renato avaliou como positiva a decisão do novo treinador em fazer uma semana com treinamentos em dois períodos, já que assim ele poderá ter tempo para passar aos jogadores as suas ideias de jogo, além de ser uma oportunidade para o próprio jogador melhorar fisicamente.

"Ademir tem outra metodologia de trabalho, e temos que nos adaptar. É bom para ele e para nós também para que quando chegarmos no jogo possamos mostrar tudo aquilo que ele pediu", argumentou.

O Botafogo-PB está longe de viver seu melhor momento na temporada. Com seis derrotas consecutivas, a vitória é essencial na próxima partida, ainda mais por se tratar de um adversário direto na luta contra a degola. O atleta falou a respeito da importância da reta final da Série C, e aproveitou para pedir o apoio dos torcedores.

"Não tem nada perdido. Temos cinco jogos pela frente, três em casa. É ruim para a gente, ninguém quer ficar desempregado em setembro (em caso de rebaixamento ou de não classificação para a próxima fase). Venho pedir à torcida o apoio, não estamos em uma situação boa, mas precisamos da força", concluiu.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br -http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

 http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia 




Outras Notícias