Veja confirma: Governador da Paraíba responde a inquérito no Superior Tribunal de Justiça

11/02/2020
No mês passado, o Radar mostrou que a investigação do Ministério Público da Paraíba sobre o ex-governador Coutinho esbarrou em Azevêdo e seus acertos com empreiteiras freguesas da Lava Jato
No mês passado, o Radar mostrou que a investigação do Ministério Público da Paraíba sobre o ex-governador Coutinho esbarrou em Azevêdo e seus acertos com empreiteiras freguesas da Lava Jato

 O governador da Paraíba, João Azevêdo já tem um inquérito para chamar de seu no Superior Tribunal de Justiça. A amizade com Ricardo Coutinho, o ex-governador alvo de uma investigação da Polícia Federal por desvios na saúde e educação do estado, está dando muita dor de cabeça ao atual mandatário.

No mês passado, o Radar mostrou que a investigação do Ministério Público da Paraíba sobre o ex-governador Coutinho esbarrou em Azevêdo e seus acertos com empreiteiras freguesas da Lava Jato.

Leia também:

Calvário: Governo desconhece pedido de afastamento de João Azevedo no Superior Tribunal de Justiça

O ex-secretário de Turismo Ivan Burity fechou delação e revelou que Azevêdo, ainda em 2014, realizou uma reunião com o consórcio de empreiteiras que constrói o canal da Transposição do Rio São Francisco no estado para decidir a partilha da propina que seria repassada a políticos em troca de apoio ao então governador Coutinho, informa reportagem da coluna Radar, da Veja.

“Após reunião na sala do ex-secretário João Azevedo, onde estavam presentes representantes das construtoras do canal Acauã-Araçagi, quais sejam, Marquise, Via Engenharia, Galvão Engenharia e Queiroz Galvão, ficou decidido que eles iriam centralizar as colaborações da campanha através da Via Engenharia”, conta Burity em trecho de sua colaboração.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

 

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

 

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

                           

Instagram - https://www.instagram.com/portal1001noticias/

 

 

 

Da Redação com Roberto Noticia  -  Jornalista -  DRT 4511/88

 

 



Compartilhe:


Outras Notícias