ELEIÇÕES 2022 - União de Romero com Azevêdo faz oposição marcar encontro para convencer Cássio ser o candidato do "bolsonarismo" na Paraíba

Por Redação Por Redação - 27/10/2021 11:57
Foto: Divulgação/Internet - Montagem: Sistema 1001 Notícias de Comunicação
Foto: Divulgação/Internet - Montagem: Sistema 1001 Notícias de Comunicação

 Com a confirmação da união entre o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD) e o governador João Azevêdo (Cidadania) a ser anunciada muito me breve, muda o xadrez político na Paraíba. Com dificuldades em encontrar um nome para ser o candidato da oposição, os “bolsonaristas” tem um olhar voltado para convencerem o ex-senador Cassio Cunha Lima ser o candidato para a disputa das eleições de 2022.

O deputado estadual Walber Virgolino (Patriota) afirmou, na segunda-feira (25), que não apoiará mais o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), para o Governo do Estado.

Além disso, Virgolino descartou Pedro Cunha Lima, como opção do PSDB, ou Veneziano Vital do Rêgo (MDB). Virgolino disse que só apoiará o PSDB se o ex-senador Cássio Cunha Lima for o candidato ao Palácio da Redenção.

Membros da oposição já planejam uma reunião para tentar convencer o ex-senador Cassio Cunha Lima ser o candidato do “bolsonarismo” na Paraíba.

“Entre nós não cabe a figura de traidor e traído” a frase é do deputado federal e presidente do PSDB na Paraíba, Pedro Cunha Lima, ao avaliar uma possível aliança entre o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues e o governador João Azevêdo.

O deputado federal ainda destacou que pode-se apontar inúmeros motivos que levem Romero a compor com o governador, mas um desses nunca será a falta de apoio do PSDB.

Com a aproximação de Romero Rodrigues a base política de João Azevêdo, já se especula uma possível saída do senador Veneziano Vital e do deputado Efraim Filho da base governista. Não se sabe até o momento para onde vão as duas lideranças.

Veneziano Vital anda estremecido com o governo João Azevêdo, após o incidente de Campina Grande, envolvendo a sua esposa Ana Cláudia, já o deputado Efraim Filho, diz que não desiste de disputar o senado nas eleições de 2022. Não sendo o candidato escolhido de João Azevêdo deve migrar para outro lado político.

As pedras do xadrez político da Paraíba devem mudar de lugar até o final do ano, no cenário atual, o que existe de concreto é que João Azevêdo ainda não tem adversário para as eleições de 2022.

Para a oposição só resta um caminho a escolha de um nome que tenha densidade eleitoral e possa vir competir em igualdade com o governador João Azevêdo, pelo atual quadro resta apenas o nome do ex-senador Cassio Cunha Lima. Será que ele topa o desafio de ser o candidato da oposição nas eleições de 2022?

Lei mais  notícias no Portal 1001 Notícias

Acesse: www.1001noticias.com.br

http://www.radiozonasulfm.com/ 

http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/

Siga nossas páginas no YoutubeFacebookTwitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11.

Instagram -https://www.instagram.com/portal1001noticias/

Roberto Noticia - Jornalista - DRT 4511/88 

@1001noticias.com.br - @jornalismo - @noticia -@robertonoticia  



Compartilhe:


Outras Notícias


  • URBANISMO - Primeiro abrigo de ônibus climatizado de João Pessoa estará disponível à população a partir de hoje

  • AGLOMERAÇÃO - "Coração cachorro": em meio a nova variante e cancelamento de eventos de fim de ano, shows lotam praça pública de Sapé

  • CONFLITO - Cancelados: Cássio Cunha Lima e Eva Gouvêia deixam de se seguir nas redes sociais

avançar voltar