ELEIÇÕES 2022 - Romero Rodrigues retira a pré-candidatura ao governo e abre espaço para compor com João Azevedo

Por Roberto Notícias Por Roberto Notícias - 27/10/2021 15:42
Foto: Divulgação/Internet - Montagem: Sistema 1001 Notícias de Comunicação
Foto: Divulgação/Internet - Montagem: Sistema 1001 Notícias de Comunicação

 O ex-prefeito de Campina Grande e presidente do PSD na Paraíba, Romero Rodrigues, não será mais candidato ao Governo do Estado nas eleições de 2022.

O anúncio da retirada da pré-candidatura foi feito na noite dessa terça-feira (26) durante uma reunião em Brasília de Romero com lideranças do PSDB, principal partido que dava apoio à postulação de Rodrigues.

Estiveram presentes no encontro o ex-senador Cássio Cunha Lima e os deputados Pedro Cunha Lima, Camila Toscano, Tovar Correia Lima e Ruy Carneiro.

Na reunião, Romero reiterou que não conversou com o governador João Azevêdo (Cidadania), mas deixou claro que essa é uma possibilidade.

Um novo encontro deve acontecer nesta quarta-feira (27) para tratar sobre o futuro do grupo no estado. O que a maioria dos tucanos acredita é que não há condições de compor o PSDB com o Palácio da Redenção. Por isso, seguirá na oposição, ao menos no entendimento do hoje.

Aliança com João Azevêdo 

A desistência de Romero Rodrigues de entrar na disputa pelo comando do Palácio da Redenção no pleito vindouro acontece no momento em que é cada vez mais forte e viável a tese de união do campinense com o governador João Azevêdo (Cidadania), pré-candidato à reeleição.

A possibilidade foi levantada inicialmente pelo deputado Manoel Ludgério (PSD), aliado de primeira hora de Romero, ainda no mês de janeiro, em entrevista à Hora H, programa apresentado pelos jornalistas Heron Cid e Wallison Bezerra na Rede Mais Rádio.

 

+ Entrevista: deputado aliado de Romero surpreende, defende “grande pacto” e chapa com João

 

 

 

À época, a composição foi tratada com desdenho e sem muitas chances de prosperar. No mesmo programa, o deputado Pedro Cunha Lima, presidente do PSDB-PB, disse ser radicalmente contra à união, entendimento que mantém até os dias de hoje.

 

 

 

 

 

 

+ PSDB ‘radicalmente’ contra aliança entre João e Romero

 

 

 

Apoio do PSDB a Romero 

 

 

 

 

 

A divulgação de conversas entre o ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB) com o senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB) ascendeu um sinal de alerta na base de Romero, ainda no mês de julho.

 

+ Pra começo de conversa; o diálogo de Cássio e Veneziano

 

 

 

Na mesma semana que o diálogo veio a público, o PSDB convocou uma coletiva para anunciar que estaria retirando a pré-candidatura do deputado Pedro Cunha Lima ao Governo do Estado para manter exclusivamente apoio a Romero Rodrigues.

 

 

 

 

 

Aliança com João de volta à mesa 

O mesmo deputado que em janeiro tinha levantado a possibilidade de uma grande união e um pacto pela Paraíba, voltou a fazer a defesa pela tese apresentada seis meses antes.

Em agosto, Manoel Ludgério colocou na praça novamente a união João-Romero.

Diante do ruído entre o senador Veneziano Vital com o governador João Azevêdo e aproximação administrativa entre o prefeito Bruno Cunha Lima (PSD) e o Palácio da Redenção, deputado não titubeou: há espaço sim para diálogo eleitoral e aliança.

“João Azevêdo é um homem de diálogo, Romero eu conheço profundamente. Defendo e aposto no bom senso para que nós possamos criar uma grande força política de unidade, de união pela Paraíba. Um grande entendimento político para o Estado entre as duas principais forças políticas, João e Romero. Teríamos um momento de exemplo para o Brasil. Não existem inimizades entre essa pessoas para que não haja uma união”, destacou em entrevista entrevista ao Programa Hora H.

Um novo cenário 

A desistência de Romero Rodrigues abre naturalmente espaço para o diálogo do político campinense com a Granja Santana.

Em recentes entrevistas, o governador João Azevêdo (Cidadania) garantiu que nunca sentou para dialogar com Romero. Ele, porém, disse que não vetaria nenhuma conversa com o ex-prefeito.

O PSDB já deixou claro que não embarca, ao menos hoje, nessa coligação. Já os aliados mais próximos de Romero, como a vereadora Eva Gouveia e outras lideranças, são da tese de que Rodrigues ganhará com a composição.

Lei mais  notícias no Portal 1001 Notícias

Acesse: www.1001noticias.com.br

http://www.radiozonasulfm.com/ 

http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/

Siga nossas páginas no YoutubeFacebookTwitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11.

Instagram -

https://www.instagram.com/portal1001noticias/

Roberto Noticia - Jornalista - DRT 4511/88 

@1001noticias.com.br - @jornalismo - @noticia -@robertonoticia 

Com Wallison Bezerra 



Compartilhe:


Outras Notícias


  • URBANISMO - Primeiro abrigo de ônibus climatizado de João Pessoa estará disponível à população a partir de hoje

  • AGLOMERAÇÃO - "Coração cachorro": em meio a nova variante e cancelamento de eventos de fim de ano, shows lotam praça pública de Sapé

  • CONFLITO - Cancelados: Cássio Cunha Lima e Eva Gouvêia deixam de se seguir nas redes sociais

avançar voltar