Travesti acusada de esfaquear ex-jogador é solta após audiência de custódia

31/01/2018

 Foi solta, após audiência de custódia nesta quarta-feira (31), a travesti ‘Vitória‘ acusada de esfaquear o ex-jogador Warley Silva Santos. Victor Coelho, de 26 anos, foi detido na terça (30) em Cabedelo, na região metropolitana da capital. Com ele a polícia encontrou o celular do ex-jogador. ‘Vitória‘ vai responder ao processo em liberdade.

Em depoimento à polícia, Victor informou que é travesti e atua como garoto de programa na orla pessoense. Ele disse que a versão dada pelo atual gerente de futebol do Botafogo não seria verdadeira e que não houve assalto. O ex-jogador teria contratado seus serviços, mas não pagou.

Leia mais:

Warley recebe alta hospitalar e vai para casa após ter sido esfaqueado
Travesti nega ter esfaqueado ex-jogador e diz que ferimentos ocorreram durante luta corporal

 

 

De acordo com o suspeito, ele foi abordado pelo ex-atleta na Avenida Edson Ramalho, no bairro de Manaíra, para a contratação de um programa, ao preço de R$ 80. Ainda conforme o depoimento do suspeito, houve um desentendimento e uma luta corporal depois que ele não teria aceitado pagar o valor acertado. Na briga, houve o esfaqueamento.

Warley deu entrada no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena na madrugada da segunda-feira (29), por volta das 4h20. Ele estava com três perfurações no corpo e depois de receber o primeiro atendimento no Trauma foi transferido para um hospital particular.




Outras Notícias