FINAL DE ANO - Comércio prevê as melhores vendas em quatros anos na Paraíba

Por Redação Por Redação - 21/11/2017 21:52

 O comércio da Paraíba já começa a se organizar para atender o maior fluxo de pessoas que pretendem ir às compras neste final de ano. A Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas (FCDL) prevê que as vendas deste ano superem as registradas nos últimos quatro anos, porém, o número de contratações de vendedores será menor do que em anos anteriores.

Em entrevista ao Portal, o presidente da entidade, José Lopes, ressaltou o otimismo entre os lojistas paraibanos. As cidades que terão o maior volume de vendas serão João pessoa e Campina Grande.

“No final de ano, com ou sem crise, o comércio geralmente costuma faturar um pouco mais, pois dezembro é um mês atípico, devido a chegada do décimo terceiro. Todo o comércio espera o ano inteiro por este mês não apenas pelas vendas, mas por possíveis contratações que podem acontecer. A expectativa deste final de ano é que as vendas sejam as melhores dos últimos quatro anos”, afirmou ao MaisPB.

Lopes explicou que uma pesquisa de mercado apontou que cerca de 73% dos brasileiros pretendem ir às compras neste final de ano, mesmo no atual momento de crise econômica. Além disso, a média de gasto por pessoa em presentes natalinos previsto é de R$104.

O aumento nas vendas será impulsionado também pela visita de turistas, movimentando o setor hoteleiro.

Dentre os segmentos com melhor previsão para vendas, ele cita as roupas e calçados. Todavia, o comércio eletrônico apresenta crescimento contínuo no Estado, o que pode atrapalhar as vendas no comércio tradicional.

Para atrair clientes, os lojistas investem em ações como a Black Friday, prevista para acontecer na próxima sexta-feira(24), mesmo que algumas lojas estejam realizando suas promoções por conta própria nesta semana. Outra aposta é a atualização das coleções.

Juliana Cavalcanti 



Compartilhe:


Outras Notícias


  • Misericórdia! Vereador paraibano mostra o "cipó" em grupo de Whatsapp e diz que foi alvo de "brincadeira dos meninos"

  • ORÇAMENTO SECRETO - Família Ribeiro mantém influência em alta mesmo sem abraçar o governo Bolsonaro

  • ELEIÇÕES 2022 - Cícero Lucena diz que Plano B no Progressistas não está em pauta e acredita na aliança com João Azevêdo

avançar voltar