Após alerta de 3ª onda na Paraíba, secretário aponta desobediência de medidas e alerta para ‘perigo’ no Dia das Mães

Por Redação Por Redação - 30/04/2021 21:17
Foto: Reprodução/Secom-PB
Foto: Reprodução/Secom-PB

 O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, comentou nesta sexta-feira (30) sobre o alerta da Fiocruz para a possibilidade de 3ª onda da pandemia no Estado após a flexibilização de setores da economia. Ele revelou que a Secretaria de Saúde observou a desobediência de medidas nos municípios pequenos.

Leia mais: Com aumento de flexibilizações, Fiocruz alerta municípios paraibanos para risco de 3ª onda da Covid-19

“A Secretaria Estadual de Saúde já estava alerta em relação a isso. Estamos observando nos municípios menores as pessoas não estão usando máscara…”, disse.

Ele ressaltou a importância de ficar em casa no dia das mães, que este ano será comemorado no dia 9 de maio. Caso a desobediência continue, deve se tornar realidade a precisão de mais casos e mortes até julho.

“Há uma previsão, em maio o dia das mães as pessoas terem em mente que não podem almoçar com suas mães, família, amigos. Essa previsão para julho de aumento no numero de caos e óbitos se as pessoas não colaborarem”, ressaltou.



Compartilhe:


Outras Notícias


  • Conheça um pouco mais do perfil da paraibana que está no BBB-22 da Globo

  • Bebê de 4 meses diagnosticada com covid-19 morre em hospital

  • CANÇÃO VAZOU - Ouça trecho da música de Marília Mendonça e Naiara Azevedo juntas

avançar voltar