Flamengo vence o Athletico-PR na Arena, quebra tabu que durava 45 anos e segue folgado na liderança do Brasileiro

14/10/2019
Na busca pelo título do Campeonato Brasileiro, o Flamengo superou um grande desafio neste domingo na Arena da Baixada. Venceu o Athletico-PR pelo placar de 2 a 0 com dois gols do atacante Bruno Henrique em um jogo que suportou uma grande pressão do advers
Na busca pelo título do Campeonato Brasileiro, o Flamengo superou um grande desafio neste domingo na Arena da Baixada. Venceu o Athletico-PR pelo placar de 2 a 0 com dois gols do atacante Bruno Henrique em um jogo que suportou uma grande pressão do advers

 Na busca pelo título do Campeonato Brasileiro, o Flamengo superou um grande desafio neste domingo na Arena da Baixada. Venceu o Athletico-PR pelo placar de 2 a 0 com dois gols do atacante Bruno Henrique em um jogo que suportou uma grande pressão do adversário, quebrou um tabu que já durava 45 anos e manteve a boa folga na liderança da competição de oito pontos.

 

 

FIM DO TABU

E a vitória veio com um gosto especial para o Flamengo. Isso porque um tabu que durava 45 anos caiu. O Fla não vencia o Athletico em Curitiba pelo Brasileirão desde abril de 1974 no Estádio Belford Duarte, o antigo Couto Pereira. Na oportunidade, o Fla venceu por 2 a 1, com gols de Zico e Paulinho. A única vitória dos cariocas na Arena da Baixada na história havia acontecido em 2011 pela Sul-Americana com gol de Ronaldinho Gaúcho.

OLHA A POLÊMICA

O jogo na Arena da Baixada começou com polêmica. O Athletico pressionava e teve boa chance em ótima defesa de Diego Alves em chute de Thonny Anderson. No minuto seguinte o árbitro assinalou pênalti de Léo Pereira em cima de Lucas Silva. Mas, após consultar o VAR, Braulio da Silva Machado desistiu da marcação e anulou o lance.

QUE VACILO!

 

 

O Athletico-PR continuava pressionando e tinha mais posse de bola que os cariocas. Em determinado momento, os paranaenses tinham 61%. Aos 40 minutos Bruno Henrique teve ótima chance após jogada de Lucas Silva, mas o lance capital veio na sequência. O Flamengo pressionou a saída de bola e o goleiro Léo fez o passe errado para Wellington. Bruno Henrique tomou a bola na cara do gol e só colocou na rede. A torcida vaiou o goleiro após o erro decisivo.

SEGURA A PRESSÃO

O começo da segunda etapa foi um monólogo do Athletico-PR. Thonny Anderson logo com dois minutos chutou livre para mais uma grande defesa de Diego Alves.Thonny Anderson novamente, desta vez em jogada de Rony, perdeu ótima chance. Na sequência o zagueiro Léo Pereira ficou sozinho com a bola na grande área após cobrança de escanteio e chutou fora.

PARA SELAR A VITÓRIA

O Flamengo após a pressão inicial do Athletico na segunda etapa segurou o ímpeto dos donos da casa e manteve a partida controlada sem muitos riscos, mas também não conseguia criar oportunidades. Só que no finalzinho veio o alívio. Grande jogada de Renê pela esquerda, ele cruzou rasteiro na pequena área para achar Bruno Henrique. Ele se enrolou com a bola, mas o suficiente para tocar par o fundo do gol e decretar a vitória.

NA TABELA

Athletico-PR – 10º lugar – 35 pontos

Flamengo – 1º colocado – 58 pontos

PRÓXIMA RODADA (26ª)

Athletico-PR - quinta-feira, 17/10, 21h, Fluminense no Maracanã

Flamengo - quarta-feira, 16/10, 20h, Fortaleza no Castelão.




Outras Notícias